Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘Geek’ Category

Como disse no post anterior, estava em dúvida entre um Nokia N95 e um iPhone 3G, aparelhos que coçaram muito minha carteira desde que apareceram no mercado livre país. Segurei muito, muito mesmo, para não comprar um N95 e/ou um iPhone primeira geração. Apesar de ter lido bastante sobre os benefícios dos dois aparelhos, e também conseguir testá-los e compará-los lado a lado, acabei sendo abduzido pelo iPhone, sua interface e possibilidades. O N95 é espetacular também, mas é impressionante o quão apelativo visualmente é o iPhone, aquela tela gigante, o interface multi-touch, o acabamento geral do equipamento e além de tudo, ser da Apple e ter um SO espetacular. Foi muito bom esperar, agora o iPhone 3G finalmente chegou, tudo bem que a um preço nada amigável aos bolsos, mas agora é possível ter um sem se preocupar com desbloqueios e atualizações desastrosas de firmware.

No dia D, da Decisão, precisamente às 19h10min do dia 28/09/2008, loja da Vivo do Shopping Bourbon, São Paulo/SP, iPhone 3G na mão esquerda e um N95 na mão direita… to be or not to be Apple… escolher entre dois aparelhos maravilhosos. Não era cliente Vivo, era da TIM, mas estava insatisfeito com os planos e a qualidade dos serviços deles, estava a fim de mudar de operadora mesmo e aproveitei a coceira para trocar de aparelho também. Foi muito cruel, mas o iPhone 3G levou a melhor e fui mais uma vítima do campo de distorção da realidade do Mr. Jobs. Saí da loja com um iPhone 3G 16GB branco, coisa linda… LINDA, o branco chega a ser exuberante, os caras capricharam muito no design do equipamento, é algo singular. Aquela caixa, cheiro de novo, o material, limpo e objetivo, coisa que a Apple consegue fazer muito bem. Foi tão prazeroso que fiz um vídeo do unboxing e tirei algumas fotos também. Contratei o plano mais chulé, iPhone 50, pelo valor de R$ 71 mensais, que me dá direito a 50 minutos para fixos e outras operadoras, 50 minutos para Vivo (+50 minutos mensais promocionais nos primeiros 12 meses), 100 torpedos e 250MB de dados. Vou utilizar como experiência, dado que não utilizava mais que 30 minutos na TIM. Já para dados, até o momento, utilizei 54,6MB, creio que os 250MB sejam suficientes. Se precisar de mais migro para o próximo plano disponível.

Uma semana e alguns dias depois da loucura aquisição, estou com uma excelente impressão do iPhone 3G, e também da Vivo, que cumpre até agora o contrato de serviço, entregando uma ótima cobertura, tanto dos pacotes de telefonia quanto de dados, garantindo uma ótima velocidade. Vamos a um review das principais funções que utilizei nestes dias:

– Obviamente, o telefone: a interface é um espetáculo, incluindo a facilidade de achar contatos e discar, enviar SMS e tudo mais. Não gostei do volume do áudio, que é bem baixo se preciso usar o auto-falante e o iPhone está no suporte para o GPS do carro, quando estou dirigindo, por exemplo. O fone de ouvido é muito bom.

– GPS: no trajeto diário entre minha casa e o trabalho, de aproximadamente 12km, o Assisted GPS + GPS, funcionam muito bem no carro, garantindo uma ótima velocidade de localização e estabilidade de sinal. Não tive nenhum problema no caminho. Noto que ele só é problemático em alguns lugares fechados, como em casa/AP e no trabalho.

– 3G/dados: esta é o quesito chave que me fez escolher o iPhone em frente ao N95. A facilidade de ler e-mails, respondê-los e navegar pelo Safari é um grande diferencial. O Safari se comportou muito bem na renderização das páginas que eu costumo acessar mais. Ponto positivo para a Apple. O sinal 3G da Vivo fica 90% do tempo operante, visitando várias regiões da cidade. Gostei muito deste ponto e vale salientar que se você pretende aumentar a duração da bateria é bom desabilitar o PUSH. Em testes feitos em meu aparelho, com o PUSH ativo, a bateria durou menos de 24h em uso normal (GPS, e-mail, navegação básica, telefone e sem utilizar WiFi). Desabilitei o PUSH e a bateria passou a durar quase 3 dias nas mesmas condicões, creio que utilizei o WiFi algumas vezes em casa. É um ponto a se considerar a razão do PUSH, pois não preciso ser notificado toda hora que chega um e-mail.

– App Store: a do Brasil é extremamente limitada, mas consegui achar e comprar alguns programas muito bons, por exemplo: Spreadsheet (um “pocket” Excel), o Ultralingua (tradutor inglês <-> português), SplashID (wallet com sincronia com o notebook) e o iSilo. Também baixei vários outros gratuitos, como: Units (conversor de medidas), 12C-Lite (HP 12C), fring (cliente de comunicação), WebMsgr (cliente Instant Messenger), LabTimer (um ótimo cronômetro, muito bom em reuniões) e vários jogos (criei uma conta na App Store americana). Entre os jogos recomendo MUITO: Aurora Feint, Brain Toot, Cradle, Labyrinth LE, Mahjong, Morocco, Sol Free, Sudoku e Tangrams LE.

O que eu não gostei, definitivamente, e me fazem falta:
– Bluetooth não “pareia” (cruzes!) com outros dispositivos além de fones bluetooth.
– Como já disse, o auto-falante é muito baixo, mesmo com volume no máximo.
– Microfone tem baixa sensibilidade.
– App Store brasileira, como dito, não possui jogos bons vendidos lá fora.
– GPS poderia ter suporte a mudanças de ruas durante o trajeto. Ele não ajusta o caminho caso faça algum desvio da rota estabelecida.
– Cadê a iTunes Store?
– Não é fácil trocar a bateria, apesar de não ser difícil abrir o iPhone, como vi em alguns vídeos no youtube.
– A correção automática é extremamente inconveniente na maioria das vezes. Ainda bem que provavelmente haverá uma forma de desabilitá-la na versão 2.2 do firmware.
– Browser não suporta Flash nem Java.
– Essa é foda: não possui copy & paste, incrível! Básico!
– Câmera de apenas 2MP.

Conclusão: após uma semana de uso moderado posso dizer que foi uma excelente aquisição. O equipamento é espetacular, existem muitas possibilidades de uso através da aquisição de outros aplicativos. O fato de ter internet a qualquer hora e em qualquer lugar é um diferencial, mas ainda não é algo maduro em nosso país, e nem está ao alcance de todos, mas está caminhando e a Apple já teve esta sacada e, finalmente, nos trouxe um aparelho que agrega estas funções de forma magnífica. Navegar no iPhone é uma experiência singular. Ler e enviar e-mails é fácil e agradável. Jogar usando a tela multi-touch e o acelerômetro é fantástico. Recomendo muito, muito mesmo, o jogo Labyrinth LE, é impressionante! O iPod com flip dos discos é show de bola! Não creio que teria mais prazer com a interface do N95. Os dois pertencem a segmentos distintos claro, mas em recursos o iPhone ganha de lavada.

Anúncios

Read Full Post »

Fiquei realmente impressionado com a repercussão da campanha Download Day. Durante o dia, em qualquer que fosse o site geek, blog enfim, o foco foi o lançamento do Firefox 3. Mas uma coisa ficou evidente: o sucesso da campanha, independente se você é freetard ou xiita. Se você baixou, se baixou e instalou, se não baixou… não existe geek neste mundo, mesmo que pouco informado, que não tenha visto e acessado o site da campanha. Como freetard geek, também fiz parte da campanha, meu download está contabilizado lá… meus, na realidade, foram três: PC no trabalho, note 1 (HP) e note 2 (MacBook).

Certificado de download

Mas bem, logo que foi lançado, por volta das 13-14h de hoje, fiz o download e instalei no trabalho. O ambiente lá é meio complicado, algumas restrições de manutenção nas máquinas, mas consegui instalar e testar o bichinho. Gostei do comportamento do novo firefox no Windows XP. Ficou bem mais rápido e estável que a versão anterior, inclusive mais bonito.

Em casa não foi diferente… por usar Mac, preferencialmente o Safari, dei uma chance ao Firefox, pensando em uma possível migração. E foi melhor do que eu imaginava! O browser carrega bem rapidamente, quase o mesmo tempo que o Safari. As páginas abriram mais rápido também, e as funções novas são excelentes. Uma delas, creio que a principal por ser muito útil, a Smart Location Bar:

200806172032.jpg
Outro detalhe notável é a beleza do browser, que agora passa a ter o seu renderizador de conteúdo, o Gecko, baseado sobre a plataforma Cocoa, nativa no Leopard. Ficou muito bonito, realmente, pois o look&feel fica bem a cara do Mac.
Muito esperado pelos usuários de Macs, o Firefox 3 veio como esperado. Veio como um grande avanço em relação à versão anterior, além de melhorar e manter os recursos que já estamos acostumados. Vale a pena testar.

Read Full Post »

Resolvi ver o que o meu XBox 360 poderia fazer por mim, além de ser um videogame. Além de todas as outras funções que eu já sabia que funcionavam, e que eu gosto muito. Além dele ser o Extender do Windows Media Center no meu notebook, vi que também se integra perfeitamente a outros dispositivos USB da Microsoft, como o meu Wireless Laser Desktop 5000.

O mais interessante: foi só plugar o receiver base do conjunto à USB do XBox e sair usando! Ele já deve ter o driver, ou algum dispositivo padrão instalado. Funcionou muito bem! 😉 Agora vou fuçar e ver se há alguma forma de configurá-lo para jogos FPS, como o Call of Duty 4. Com o mouse o esquema muda!

Read Full Post »